PUBLICIDADE

quarta-feira, 16 de março de 2011

EDUCADORES VÃO ÀS RUAS E MOSTRAM GRANDE ADESÃO Á GREVE


A grande manifestação realizada no final da tarde desta terça-feira, 15, com a participação de cerca de cinco mil trabalhadores da educação, em greve desde o dia primeiro deste mês, contrapõe-se aos números divulgados pelo governo do Estado de que apenas 40% da categoria aderiram ao movimento. A maioria dos educadores estaduais está em greve e disposta a manter a paralisação até que haja uma resposta favorável do governo à pauta de reivindicação apresentada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Maranhão (SINPROESEMMA), há mais de um ano.
Os educadores se concentraram na Praça Deodoro, a partir das 16h, e de lá saíram em caminhada até a sede da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), no Monte Castelo, onde permaneceram em protesto, numa demonstração de que estão firmes no propósito de reivindicar do governo a imediata implantação do Estatuto do Educador e do Plano de Cargos, Carreiras e Salários, entre outras reivindicações.
A passeata foi organizada pelo SINPROESEMMA e contou com o apoio de outras entidades que representam a classe trabalhadora como a Conlutas, o Sintrajuf e ainda de parlamentares como o deputado estadual Bira do Pindaré (PT), que faz parte da Comissão de Educação da Assembléia Legislativa do Estado.
Em discurso, Bira conclamou a categoria a lotar o plenário da Assembléia Legislativa para cobrar o apoio de outros parlamentares à causa e disse que é necessário exigir do governo uma saída imediata que resolva a situação, mas para isso é preciso que seja reconhecida a justa reivindicação dos educadores.
Ele ressaltou que a educação de qualidade depende de profissionais valorizados e bem remunerados. “É isso que vou defender na Comissão de Educação, da qual agora faço parte”, garantiu o deputado. Bira informou que nesta quarta-feira, 16, a secretária de Educação, Olga Simão, será ouvida pela Comissão, às 15h, sobre a pauta de reivindicações dos educadores e que é importante a presença dos trabalhadores no local.
O presidente do SINPROESEMMA, Júlio Pinheiro, agradeceu mais um esforço da categoria por mais um momento de bravura na luta pela educação pública. “Essa grande participação dos trabalhadores concretiza e demonstra o desejo de ver educação de qualidade no nosso Estado”, enfatizou Pinheiro.
 Ato público na quinta-feira, 17
A direção do Sindicato conclamou os profissionais de educação a repetir a mesma força na próxima manifestação dos trabalhadores, marcada para esta quinta-feira, 17. Desta vez a passeata vai acontecer pela manhã, a partir das 9h, com caminhada da Praça Deodoro até o Palácio Antônio Lemos. A concentração acontece a partir das 9h. Além da caminhada rumo ao Palácio, os educadores tem agenda nas escolas nesta quarta-feira, 16, fazendo blitz para fortalecer o movimento grevista.
 Ascom-Sinproesemma; vias de fato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O BLOG NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS COMENTÁRIOS, POREM NÃO ACEITA NENHUM TIPO DE COMENTÁRIO QUE VENHA A DENEGRIR A IMAGEM DE QUEM QUER QUE SEJA.