PUBLICIDADE

quinta-feira, 3 de março de 2011

Prefeita de Matões Concede Aumento Salarial de 13,57% aos Servidores Municipais

Votação do Projeto de reajuste salarial dos professores do município
A sessão de terça-feira (01) contou com a presença dos professores da Rede Municipal de Educação de Matões, que foram assistir a votação do Projeto que reajusta o salário dos servidores da educação do município.

Professores no auditório da Câmara
Com o auditório do Plenário "Vereador João Desidério" lotado por educadores, o presidente da Casa, Ferdinando Coutinho (PSDB), iniciou a sessão, solicitando a leitura da Mensagem do Projeto enviada pela prefeita Suely Pereira à Câmara. Veja trechos da Mensagem, abaixo:


"Nossa administração vem se desdobrando para evitar a defasagem das remunerações dos nossos professores, objetivando valorar os vencimentos destes profissionais, e buscando conformar essa orientação com reduzidos recursos financeiros e orçamentários do Município de Matões, e com as limitações impostas pela Lei de Responsabilidade Fiscal".

" O Projeto em tela visa conceder o reajuste salarial de 13,57%, que recaíram sobre os vencimentos de todos os professores Níveis I e II. A título de exemplo, com a aprovação do presente Projeto, o menor vencimento pago ao professor Nível I passa de R$ 642,83 (seiscentos e quarenta e dois reais e oitenta e três centavos) para R$ 730,06 (setecentos e trinta reais e seis centavos)".

logo em seguida, o Projeto foi colocado em votação. Ao longo da fala de cada vereador, notadamente, percebeu-se que até os de oposição queriam aparecer bem na fita diante dos professores, com elogios exacerbados aos dignos profissionais. O projeto foi aprovado por unanimidade.

Profª Arlete Gonçalves
Dessa forma, a prefeita Suely Pereira deu o segundo aumento para a categoria, em menos de um ano. O salário de um professor do município de Matões agora é um dos maiores da região, superando o piso nacional, aprovado na última semana, que ficou em R$ 1.187,08, enquanto em Matões, as mesmas 40 horas, totalizam R$1.460,12.

A professora Arlete Gonçalves, em entrevista ao Matões Notícias,disse: "Hoje, enquanto os professores da Rede Estadual de Ensino estão iniciando uma greve contra o governo do Maranhão, a prefeita Suely Pereira está concedendo um salário para os profissionais da educação do município, acima do piso nacional"
Faixa em agradecimento à Prefeita
Durante a sessão, muitos professores empunhavam faixas com frases de agradecimento. Antes da votação, criou-se um burburinho no hall da Câmara, quando um vereador de oposição, equivocadamente afirmou que o Projeto não estava coerente com o Plano de Carreira de Profissionais da Educação do Município, aprovado em 2009, ainda no início do governo Suely Pereira. O vereador deu sinais que poderia não votar a favor do projeto. Mas o equívoco foi desfeito pelos colegas e este, enfim, votou favorável.

por Abdenaldo Rodrigues Matões Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O BLOG NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS COMENTÁRIOS, POREM NÃO ACEITA NENHUM TIPO DE COMENTÁRIO QUE VENHA A DENEGRIR A IMAGEM DE QUEM QUER QUE SEJA.