PUBLICIDADE

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Assembleia de Imperatriz rejeita proposta parcialmente

Os professores da rede estadual de educação da região de Imperatriz decidiram aceitar parcialmente a proposta apresentada pelo governo do Estado aos trabalhadores. Em assembleia regional, realizada nesta sexta-feira (23), os professores concordaram com o reajuste na tabela salarial que varia de 38,84% a 12%, com vigência a partir de outubro, mas discordaram do parcelamento do restante do reajuste proposto de 20%, parcelado em duas vezes.

Os trabalhadores querem o pagamento da diferença do reajuste de 20% em uma só parcela. De acordo com a proposta, além do reajuste em ordem decrescente, de 38,84% a 22%, para as 12 primeiras referências da tabela salarial dos professores, o governo propõe reajustar em 20% as demais referências, sendo 12% a partir do próximo mês de outubro e o restante parcelado em duas vezes – abril e setembro de 2012.

Além de não concordar com o parcelamento da diferença em duas vezes, os professores também não aceitam a incorporação de 20% e 26% da Gratificação por Atividade de Magistério (GAM). Eles querem discutir amplamente com o governo a incorporação da GAM durante os debates em torno do Estatuto do Educador, que trata sobre a carreira do profissional de educação.

O resultado da assembleia foi encaminhado à direção geral do SINPROESEMMA, que aguarda a programação de assembleias das demais regionais, que também devem avaliar a proposta apresentada pelo governo, nos próximos dias.

mais informações; SINPROESEMMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O BLOG NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS COMENTÁRIOS, POREM NÃO ACEITA NENHUM TIPO DE COMENTÁRIO QUE VENHA A DENEGRIR A IMAGEM DE QUEM QUER QUE SEJA.