PUBLICIDADE

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Prefeito de Palmeirais tem mandato cassado por infidelidade partidária

Por Luciano Coelho e Anselmo MouraFoto: Dantércio Cardoso
O prefeito da cidade de Palmeirais, Marcio Soares Teixeira (PSB) teve seu mandato cassado nesta segunda-feira (25) pela corte do Tribunal Regional Eleitoral. “Marcinho”, como é mais conhecido o gestor, é acusado de infidelidade partidária.


Márcio Teixeira foi eleito em 2008 pelo PDT. Após as eleições, ele teria deixado o partido para ingressar nos quadros do PSB.
Durante o pleito eleitoral para o Governo do Estado em 2010, o prefeito de Palmeirais, que na época ainda estava no PDT, teria apoiado o governador Wilson Martins (PSB), indo contrário à decisão do seu partido, que apoiava o senador João Vicente Claudino (PTB). 

O diretório estadual do PDT entrou com ação junto ao TRE pedindo a cassação do mandato do prefeito de Palmeirais. Em sua defesa, Marcinho Teixeira alegou que havia sido expulso do partido, no entanto, sua tese não convenceu os juízes, que por 4x2 decidiram pela decretação da perda do mandato do gestor.

O Tribunal Regional Eleitoral determinou à Câmara Municipal de Palmeirais que em um prazo máximo de 10 dias emposse o vice-prefeito, Jânio Cesar Nunes da Silv

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O BLOG NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS COMENTÁRIOS, POREM NÃO ACEITA NENHUM TIPO DE COMENTÁRIO QUE VENHA A DENEGRIR A IMAGEM DE QUEM QUER QUE SEJA.